quarta-feira, 29 de agosto de 2012

Caricaturas e imagens de bd 73-74

Estas caricaturas de Brigitte Bardot e de Georges Pompidou vi-as pela primeira vez na revista brasileira Realidade,de Junho de 1973,  num artigo consagrado à "Nova arte da caricatura", que a revista apresentava com o retrato de "três novos artistas franceses definem os caminhos do seu novo traço". Os artistas eram Claude Morchoisne, Patrice Ricord e Jean Mulatier, (na altura ambos com 26 anos) e as imagens eram extraordinárias de nuance e detalhe, como se pode ver. A de Pompidou é de 1970, segundo informa o livro Les Grandes Gueules, das edições du Pont Neuf, de 1980 ( cujas reproduções são graficamente inferiores a estas da revista Realidade).

Em 13.4.1974 a revista Tintin iniciava uma nova aventura de Bernard Prince ( a chama verde dos aventureiros) com esta imagem, também ela extraordinária.
Não obstante a grande qualidade desta historieta o Tintin, para mim, estava quase a findar. Durou até ao fim de 1974 e a partir daí só voltei a comprar um ou outro número em 1976 ( por causa de Tintin e os Pícaros, iniciada em 7.4.1976 e Lucky Luke e Psicanálise para os Dalton) e 1977 ( por causa de Bernard Prince e O Porto dos loucos).  O Tintin foi o veículo de introdução para a banda desenhada de ficção científica e aventuras mais adultas, do Pilote que descobri nesse mesmo ano e outras como a Métal Hurlant. !974 e 1975 foram por isso anos fantásticos nessas descobertas da arte da banda desenhada.
Além disso, como vim depois a descobrir também, mesmo com a informação da Realidade de 1972, aqueles caricaturistas trabalhavam para a Pilote e apareciam várias caricaturas dos mesmos em diversos números dessa altura, como por exemplo de Charlot ou Mao Tse Tung.


A imagem da caricatura de Brigitte Bardot publicada em Junho de 1973 pela Realidade foi publicada na capa da revista francesa de banda desenhada alternativa, Mormoil, em Dezembro de 1974.
A revista tinha colaboração regular de Morchoisne e Mulatier, entre outros e a fórmula da revista aparentava-se muito à MAD americana, embora com um conteúdo sexualmente explícito que a tornava "reservé aux majeurs penaux" e de circulação mais restrita, o que aliás se tornou quase moda em 74-75, mesmo entre nós, com a súbita abertura aos costumes mais liberais que se faziam sentir e tinham já dado em filmes como Último Tango em Paris ou mesmo abertamente pornográficos.
A revista francesa Ciné Revue por essa altura e eventualmente por esse motivo, era das mais requisitadas no escaparate da livraria Bertrand. 
Moschoisne desenhava historietas com personagens caricaturadas à moda da MAD, por um Angelo Torres ou o genial Mort Drucker que neste número de Dezembro de 1973 desenha uma paródia de The Summer of ´42.





2 comentários:

Luciano araujo disse...

ola amigo, tudo bem?espero que sim..
sou caricaturista e um grande fan de mulatier ,morchoisne e ricord...princialmente do mulatier..
mas aqui no brasil as coisas sao muito dificieis..
achei seu blog e gostei bastante,parabens..
gostaria que se voce tiver imagens de caricaturas ou fotos de mulatier ricord e morchoisne me envia por favor..
vou lhe agradeçer bastante por isso amigo. espero sua resposta..
meu email
lucianocartoons@gmail.com

veja meu blog
www.lucianoaraujoc.blogspot.com.br
espero sua resposta..
obrigado..

Jorge Santori disse...

Legal! A caricatura de BB eu tenho desde essa época, mas não guardei o resto da matéria e não sabia quem a tinha feito. É de Jean Mulatier a de Brigitte?
No meu blog, Antiguinho, posto muita coisa de BB.
Parabéns.