quarta-feira, 3 de junho de 2009

A BD portuguesa

A banda desenhada portuguesa nunca foi algo que se visse, com vontade de rever, como é o caso da franco-belga.

Nos anos setenta, ainda se ouvia falar em Eduardo Teixeira Coelho ou Vítor Péon, no Jornal do Cuto.
Em 1975, surgiu então uma revista, intitulada Visão, dirigida por Vítor Mesquita. Esta. Não foi a pedrada no charco que se esperaria nem durou muito tempo. Mas foi a primeira tentativa por cá, de se fazer o que lá fora, pela Europa, se fazia já há muitos anos. Até em Espanha.




1 comentário:

MARIA disse...

Que engraçado.
Nunca tive oportunidade de ver nenhum exemplar desta revista.
Deixou de publicar-se, certamente, não ?
Obrigada pela partilha.
Acrescenta sempre alguma coisa nova ao meu olhar sobre o mundo neste seu blog.

Maria